Usar erva no cabelo traz resultados? Descubra

Quem busca cuidar das madeixas de forma intensa com certeza já ouviu falar o nome de alguma erva para usar no cabelo. O objetivo visa sempre o mesmo: alcançar os melhores resultados e deixar as madeixas perfeitas e saudáveis.

Contudo, embora grande parte dos cosméticos já usufruam dos benefícios que as ervas trazem, ainda assim usar ela diretamente sobre os fios causam algumas dúvidas. Dito isso, neste conteúdo decidimos abordar melhor assunto e desvendar de vez se vale ou não fazer uso delas. Vem ver!

erva no cabelo

Erva no cabelo: o que você precisa saber sobre ela

Recentemente diversos vídeos viralizaram no TikTok envolvendo o uso do alecrim sobre o cabelo. E embora o tempero esteja entre os queridinhos, vale saber que ele não é a única erva usada no cabelo pelas mulheres.

O que não faltam na web são receitas caseiras sobre cada uma, bem como misturas que prometem resultados incríveis.

Contudo, embora estejam viralizando, vale saber que nem todas as receitas são seguras para as madeixas. Isso porque grande parte dos óleos produzidos pelas ervas não são cientificamente comprovados.

Assim, vale reconsiderar o uso em crianças, idosos e principalmente grávidas, uma vez que os efeitos nocivos ou contraindicações não estão bem estabelecidos.

Você pode gostar de ler: Shampoo que Pinta o Cabelo: como funciona, melhores opções, quando usar e MAIS

Benefícios das ervas para as madeixas

Alguns médicos dermatologistas afirmam que de fato os óleos essenciais têm sua parcela de benefício no crescimento capilar, bem como no tratamento da caspa.

Além do alecrim, o qual vemos constantemente na internet, vale reforçar a erva de lavanda também é bastante comentada. Neste caso, ela pode trazer benefícios diretos ao couro cabeludo como a redução e tratamento da dermatite seborreica.

Outra erva no cabelo é a urtiga. A opção, segundo especialistas, permite agir diretamente na queda do fio evitando que ele aconteça. Além disso, proporciona o seu crescimento.

Contudo, mesmo apresentando bons resultados, todos os óleos citados acima ainda assim precisam de mais pesquisas a fim de atestar os benefícios.

Outro ponto importante a comentar é que uma erva sozinha pode não ser suficiente para trazer bons resultados. Assim, vale misturar o ativo ao shampoo já utilizado durante o dia a dia para um tratamento mais efetivo.

Jornalista, apaixonada pelo SEO e pelo Marketing Digital. Estou desvendando o mundo da beleza para encontrar os melhores conteúdos que promovam o bem-estar e qualidade de vida das mulheres.

Deixe seu comentário