Início » Skincare » O que são “Células Zumbis” e o que têm a ver com o envelhecimento da pele?

O que são “Células Zumbis” e o que têm a ver com o envelhecimento da pele?

Envelhecer é algo comum e esperado pelas pessoas. Embora os sinais da idade não agradem à maioria das mulheres, uma hora ou outra isso irá acontecer e é impossível parar o processo, contudo nada impede de postergá-lo. Assim o que não faltam são pesquisas referentes ao assunto a fim de trazer ainda mais soluções ao mercado de cosméticos. Uma delas, por exemplo, envolve as células zumbis.  Você já ouviu falar sobre elas?

Se a resposta é não, não se preocupe. Por aqui você descobre de vez o que quer dizer o termo e sua relação com o envelhecimento. Vem ver!

Células Zumbis no envelhecimento da pele. Foto aparece um rosto de idoso com rugas aparentes e de olho azul.
Células Zumbis no envelhecimento da pele

Afinal, o que são Células Zumbis?

Células Zumbis são células do nosso organismo que param de se dividir e entram em um estado de “senescente”, ou seja, um processo metabólico natural de envelhecimento.

Contudo, embora as células levem o nome de zumbi, ou seja, um personagem vivo-morto, as células em si não estão mortas, mas sim em uma espécie de estado vegetativo.

Mesmo que o corpo elimine a maioria deste tipo de célula também, a pesquisa norte-americana desenvolvida e publicada na revista Natural Structural and Moleculary Biology, mostra que nem todas são de fato eliminadas, o que pode ser uma pista para o envelhecimento da pele.

Leia também: Dicas ANTIENVELHECIMENTO: mantenha-se JOVEM por mais tempo

A relação das células zumbis com o envelhecimento

Entendendo um pouco o que são células zumbis fica mais fácil entender a sua relação com o envelhecimento da pele. Segundo a pesquisa, as células senescentes podem aparecer antes do esperado principalmente pelos impactos do meio ambiente sobre o tecido.

Neste caso podem estar envolvidos desde vírus e bactérias, onde a pele acaba exposta, até mesmo a própria poluição, radiação ultravioleta e o uso de pesticidas sobre o tecido.

pele 2

Toda vez que a pele passa por um desses impactos, as células param de se dividir com o propósito de evitar que o dano seja mais grave ao corpo. Em consequência elas se tornam zumbis, não sendo mais produtivas, mas também sendo incapazes de morrer.

Contudo a relação com o envelhecimento é ainda mais profunda. Isso porque as células zumbis também liberam substâncias químicas mesmo não estando funcionais. Neste caso elas acabam prejudicando outras células saudáveis e afetam não só a beleza do corpo, mas também favorecem questões clínicas que envolvem a idade.

Existe como parar o processo?

Por fim, uma dúvida comum sobre as células zumbi é se é possível parar o processo e assim diminuir o acúmulo deste tipo de célula no organismo.

Além das proteções já realizadas com os skincares, a boa notícia, segundo a pesquisa, é que estudos estão sendo realizados sobre o assunto.

pele

Embora nada ainda esteja aprovado, não faltam pesquisas envolvendo drogas capazes de atingir esse tipo de célula. O objetivo é conseguir modificá-la a favor do organismo e contra o envelhecimento precoce.

O que se sabe, no entanto, é que o exercício físico pode ser um grande aliado para parar o processo também.  Portanto se você ainda não tem o costume de se exercitar, nunca é tarde para começar.

O que você achou disso?

Clique nas estrelas

Média da classificação 0 / 5. Número de votos: 0

Nenhum voto até agora! Seja o primeiro a avaliar este post.

Jornalista, apaixonada pelo SEO e pelo Marketing Digital. Estou desvendando o mundo da beleza para encontrar os melhores conteúdos que promovam o bem-estar e qualidade de vida das mulheres.

Deixe seu comentário